Portal do Governo Brasileiro

Escola Técnica de Saúde de Santa Catarina realiza formações nos eixos de Saúde Mental e Acolhimento

14 de Maio de 2018

Formação em Saúde Mental: Crack, Álcool e outras drogas, bem como Acolhimento ao Usuário da Atenção Básica e Prevenção ao Suicídio são as temáticas das formações.

A Escola Técnica de Saúde de Santa Catarina (EFOS-SC) é uma das instituições que está ofertando diversas formações com apoio gerencial do projeto Itinerários do Saber. Os cursos ministrados atualmente estão ligados aos eixos de Saúde Mental e Acolhimento em Saúde, com previsão de início também em formações no eixo de Segurança do Paciente.

mosa

Até o momento já foram finalizadas 35 turmas da Formação em Saúde Mental: Crack, Álcool e outras drogas, bem como há a previsão de serem realizadas 16 turmas do curso de Acolhimento ao Usuário na Atenção Básica, além de um projeto piloto de formação em Prevenção ao Suicídio que está em andamento. Confira abaixo os detalhes de cada uma das formações:

Acolhimento ao Usuário na Atenção Básica

A EFOS-SC iniciou, no último dia 03 de maio, a primeira turma da “Capacitação em Acolhimento ao Usuário na Atenção Básica”. Sob a tutoria de Elaine Cristina da Cunha e Maria de Fátima de Souza Rovaris, a formação conta com 40 profissionais do SUS e acontece na modalidade presencial, na Sede da Escola, no município de São José, localizado na Grande Florianópolis.

De acordo com Andiara Sopelsa, diretora da Escola, a parceria com o Projeto Itinerários do Saber tem oportunizado a troca de saberes e o aprendizado nas diversas áreas da saúde. “O Acolhimento em Saúde não poderia ficar de fora, já que buscamos sempre um cuidado humanizado. Serão 15 turmas desta capacitação, totalizando uma média de 600 trabalhadores qualificados”, explica. A previsão de término do curso é para 26 de julho.

Formação em Saúde Mental (Crack, Álcool e outras drogas)

No mês de abril, a EFOS-SC concluiu mais duas turmas da “Formação em Saúde Mental (Crack, Álcool e outras drogas)”. Totalizando 59 profissionais de saúde formados, o curso foi ministrado em dois municípios: Barra Velha e São Cristovão do Sul, Região do Alto Vale do Rio do Peixe. Em Barra Velha, as aulas aconteceram sob tutoria das enfermeiras Elvira M. Zattar Guerra e Talita Ledoux. Já em São Cristovão, contaram com a tutoria da enfermeira Miryan de Fátima Silva.

Desde 2017, a EFOS-SC já concluiu 35 turmas dessa formação, que está dividida em cinco eixos pedagógicos: Conhecendo o território, as redes de atenção, os conceitos, as políticas e as práticas de Cuidado em Saúde Mental; Políticas Públicas de Atenção Básica, Política de Atenção Integral e Política de Atenção Integral a usuários de Álcool e outras drogas; Redução de Danos; A caixa de ferramenta dos agentes comunitários de saúde, auxiliares e técnicos de enfermagem na Atenção Básica; e Políticas Públicas.

Prevenção ao Suicídio – Quebrando com o silêncio

Outro curso em andamento é a “Capacitação em Prevenção ao Suicídio – quebrando com o silêncio”, que teve início no mês de março. Ao todo estão inscritos 40 agentes comunitários de saúde, técnicos em enfermagem e enfermeiros. Este é um curso piloto que está acontecendo no município de São José, na modalidade presencial e com previsão de término para o final de maio.

A capacitação tem como objetivo aguçar o olhar do profissional de saúde para enxergar previamente possíveis traços de transtorno de humor, de personalidade e de abuso de substâncias em usuários do SUS, pois a Escola se baseia em dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) que mostram que tais motivos estão inseridos como principais causas de suicídio.

Próximas formações

De acordo com a assessora acadêmica-pedagógica, Juliana Camargo, o planejamento das formações na EFOS-SC conta com o curso de Instrumentação Cirúrgica, com início em junho, e o curso de Primeiros Socorros, marcado para julho. Ambas as formações farão parte do eixo de Segurança do Paciente.

Fonte: Assessoria de Comunicação e assessoras acadêmico-pedagógicas da EFOS-SC

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais notícias