Portal do Governo Brasileiro

Cadernos do Cuidado publica volume sobre aprendizagem, saber e transformação do projeto Caminhos do Cuidado

2 de Janeiro de 2019

Esta é a última edição composta por textos relacionados à primeira chamada do periódico que aconteceu em 2017. O volume conta com quatro relatos de experiência um artigo original e um ensaio.

A Revista Cadernos do Cuidado acaba de publicar mais um volume. Intitulada “Caminhos do Cuidado: itinerário de aprendizagem, saber e (trans)formação”, a última edição de 2018 disponibiliza um artigo original, quatro relatos de experiência e um ensaio. A avaliação das produções textuais contou com a coordenação científica do professor e pesquisador da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), Roberto Tykanori.

Os relatos de experiência são: “Caminhos cruzados: no trânsito dos cuidados”; “Devir-tutor: Cuidado e Vínculo na formação em Saúde Mental”; “Caminhar é preciso: relato de experiência sobre o processo formativo Caminhos do Cuidado”; e “Encontros, marcas e aprendizagens no caminho: a experiência da ETSUS-vitória no projeto Caminhos do Cuidado”.

O artigo original é intitulado “Caminhos do Cuidado: leitura sobre seus efeitos no Espírito Santo”. Já o ensaio leva o título de “A metodologia da problematização na formação dos trabalhadores no Caminho do Cuidado da saúde: avanços e desafios”.

Esta é a última edição composta por textos relacionados à primeira chamada do periódico, que aconteceu em 2017 e teve como tema o projeto Caminhos do Cuidado. Até o momento, foram publicadas duas edições e um suplemento com produções inéditas sobre a temática. Com publicações semestrais, o periódico possui conteúdo de acesso aberto e gratuito.

Futuras edições do periódico

Em 2019, o Cadernos do Cuidado terá publicações com as temáticas “Engrenagens da Educação Permanente, do projeto de Percursos Formativos na RAPS” e “A Educação Interprofissional (EIP) como estratégia para o desenvolvimento de equipes para atuação em redes integradas de serviços no Sistema Único de Saúde (SUS)”. Esta última recebeu textos oriundos de chamada pública que esteve aberta até novembro de 2018, tendo aproximadamente 40 trabalhos submetidos para a avaliação do Conselho Editorial.

Confira a publicação 

Por: Camila Cruz

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mais notícias